7 Leis Espirituais do Sucesso
   
 
Leia o livro
Baixe apresentação sobre o tema.

 

1. LEI DA POTENCIALIDADE PURA
Consciência pura é potencialidade pura que é a nossa essência espiritual.
O espírito - seu EU interior - é sábio, sereno, simples, tem equilíbrio perfeito, é invencível, é feliz. Seu ego busca sempre aprovação, poder e controle de pessoas, coisas e situações.
Use como referência o seu EU interior e não aquilo que o rodeia.
O poder do ego é ilusório e só existe em função dos bens e títulos terrenos. O poder do EU é infinito, atrai, magnetiza, realiza.

  • Medite. Silencie sua mente.
  • Não julgue
  • Viva em harmonia com a Natureza.

2. LEI DA DOAÇÃO
Receber é o mesmo que dar, porque o fluxo de dar e receber são parte do ciclo de energia universal.
Se você interrompe o fluxo de um ou de outro está interferindo na inteligência da natureza.
Em nossa própria capacidade de dar o que almejamos encontra-se a chave para atrair a abundância do universo para a nossa vida.

  • Dê algo de presente a todos que encontrar: uma oração, uma bênção, um cumprimento, uma flor...
  • Receba diariamente as dádivas que a vida oferece. E agradeça.

3. LEI DO CARMA
Toda ação gera uma força energética que retorna com a mesma intensidade. Colhemos aquilo que semeamos.
Tudo o que está acontecendo hoje é resultado de suas escolhas. Suas escolhas de hoje determinarão o seu futuro.

  • Observe as pequenas escolhas que se colocarão diante de você hoje.
  • Esteja sempre atento e consciente de suas escolhas. Pergunte-se: esta decisão trará felicidade a mim e a todos que serão afetados por ela?

  • Na dúvida, consulte seu coração.

4. LEI DO MÍNIMO ESFORÇO
A inteligência da natureza opera com harmonia e amor. É o princípio da mínima ação, da não resistência. Os chamados “milagres” são, na verdade, expressões da Lei do Mínimo Esforço.
O presente, seja ele bom ou ruim é exatamente como deve ser. É o ápice de todos os momentos que você viveu.

  • Você pode querer que sua vida seja diferente no futuro. Mas hoje precisa aceitá-la como se apresenta. Aceite pessoas, circunstâncias e fatos da forma que se manifestarem. Lutar contra o momento presente é lutar contra todo o universo.

  • Ao defrontar-se com um tirano, um conselheiro, um amigo ou inimigo, lembre-se: “é como deve ser”. Todas estas pessoas são a “mesma coisa” e estão a serviço de sua própria evolução.

  • Desista da necessidade de convencer os outros a aceitar seus pontos de vista. Permaneça aberto às opiniões alheias sem prender-se a nenhuma delas.

5. LEI DA INTENÇÃO E DO DESEJO
Atenção energiza. Intenção transforma. A intenção tem o poder da organização infinita no campo da potencialidade pura.
O poder infinito da criação põe-se em movimento através da intenção.

  • Tenha consciência de seus desejos. Libere-os no plano cósmico e confie. Se as coisas não saírem como deseja, é porque o universo tem desígnios maiores para você do que os possa conceber.

  • Aceite o presente e pretenda o futuro. O futuro é algo que sempre pode ser criado através da intenção. Sua intenção está no futuro, mas sua atenção precisa estar no presente.

6. LEI DO DISTANCIAMENTO
No distanciamento está a sabedoria da incerteza...
Na sabedoria da incerteza está a libertação do passado, que é a prisão dos velhos condicionamentos. O distanciamento, ou desapego, permite alcançar qualquer coisa
porque se baseia na crença inquestionável do verdadeiro Eu.

  • Seja quem realmente é. Permita que os outros também o sejam. Não force a solução de problemas, criando assim novos problemas.

  • Não se prenda a resultados. Não planeje o que fará amanhã ou na próxima semana. O apego ao conhecido manterá sua intenção presa a um rígido espaço mental e desperdiçará uma infinidade de escolhas.

  • Aceite a incerteza como um ingrediente da sua vida. Experimente toda a magia e mistério da vida e as soluções emergirão espontaneamente.

7. LEI DO DARMA
Darma significa propósito de vida. Segundo esta lei, assumimos a forma física para cumprir o darma.
Somos seres espirituais que de vez em quando tem experiências humanas. Estamos aqui para encontrar nosso verdadeiro Eu e colocá-lo a serviço da humanidade.

  • Nutra a divindade que existe em você. Preste atenção ao seu espírito e conscientize-se que é um ser eterno, atemporal e que já viveu ilimitadas experiências.

  • Descubra seus talentos únicos. Pergunte-se: ao fazer aquilo que gosto estou criando abundância em minha vida e na vida dos outros?

  • Pergunte-se diariamente: como posso servir?